Bodas de Casamento

Bodas De Casamento

As bodas de casamento representam a continuidade do matrimônio, além de serem uma oportunidade para os casais renovarem as promessas feitas nos dias que se uniram.

Para cada comemoração anual existe uma simbologia por meio dos materiais que representam.

Significado

A palavra boda vem do latim e significa “voto”, pois os casais que passavam a viver juntos durante o Império Romano deveriam fazer certas promessas diante de testemunhas.

Já a palavra matrimônio é originária de mater, mãe; enquanto o vocábulo casamento tem sua raiz etimológica na palavra casa. Daí se pode entender o ditado popular que diz que “quem casa quer casa”.

Seja qual for a cultura, sociedade ou religião, o casamento é celebrado com muita festa, pois representa a passagem da infância para a vida adulta, a responsabilidade de cuidar de um lar e dos filhos que chegarão.

Origem

A união entre o homem e a mulher com o intuito de formar uma nova família é observada em todas as sociedades. No mundo ocidental, como herdeiro do Império Romano, a cerimônia tinha etapas bem distintas: primeiro o noivado que era um contrato celebrado entre as duas famílias e o casamento em si.

Este era festejado com um banquete e a noiva era levada a casa do noivo, no fim do dia. Para selar o compromisso, bastava um aperto de mão. Mais tarde, o noivo passa a dar um anel à noiva como símbolo de sua união.

O cristianismo pegou todos esses elementos e acrescentou a bênção de um sacerdote como indispensável para a união entre dois indivíduos. Condenou o divórcio e fez da união esponsal um laço indissolúvel.

Após a Reforma Protestante, no século XVI, algumas correntes do cristianismo passaram a aceitar o divórcio, embora os pastores tendem sempre a aconselhar que o melhor é seguir com o casamento.

Com as mudanças dos costumes surgiram várias definições jurídicas para definir a união entre duas pessoas. A mais recente é a admissão que o casamento pode ser celebrado entre duas pessoas do mesmo sexo. Assim, vários países começam a admitir uniões entre homossexuais.

Leia também: Aliança. ​

Bodas...de tudo!

A festa do casamento não se limitaria ao dia quando foi concretizado. Cada ano tem um significado especial na vida do casal e está associado a um material distinto para simbolizar as etapas dessa trajetória.

O costume de presentear os esposos que chegavam aos 25 anos de casamento com uma cora de prata e os de 50 anos, com uma coroa de ouro, tem origem germânica e se espalhou por todo Ocidente.

Nos países escandinavos, os amigos do casal também recordam os 12 anos e meio do casal, pois é a metade de 25.

Atualmente, cada vez mais casais optam por festejar o dia do casamento com uma pequena festa ou simplesmente a entrega de um presente com o material que simboliza aquele ano.

Nome das bodas

  • 01º - Bodas de Papel
  • 02º - Bodas de Algodão
  • 03º - Bodas de Couro ou Trigo
  • 04º - Bodas de Flores e Frutas
  • 05º - Bodas de Madeira ou Ferro
  • 06º - Bodas de Açúcar ou Perfume
  • 07º - Bodas de Latão ou Lã
  • 08º - Bodas de Barro ou Papoula
  • 09º - Bodas de Cerâmica ou Vime
  • 10º - Bodas de Estanho ou Zinco
  • 11º - Bodas de Aço
  • 12º - Bodas de Seda ou Ônix
  • 13º - Bodas de Linho ou Renda
  • 14º - Bodas de Marfim
  • 15º - Bodas de Cristal
  • 20º - Bodas de Porcelana
  • 25º - Bodas de Prata
  • 30º - Bodas de Pérola
  • 35º - Bodas de Coral
  • 40º - Bodas de Esmeralda
  • 45º - Bodas de Rubi
  • 50º - Bodas de Ouro
  • 55º - Bodas de Ametista
  • 60º - Bodas de Diamante
  • 65º - Bodas de Platina
  • 70º - Bodas de Vinho
  • 75º - Bodas de Brilhante ou Alabastro
  • 80º - Bodas de Nogueira ou Carvalho
  • 85º - Bodas de Girassol
  • 90º - Bodas de Álamo
  • 100º - Bodas de Jequitibá

Leia mais: Símbolos de União.