Pentagrama

O pentagrama é uma estrela de cinco pontas de origem incerta, que esteve presente na evolução de diversas culturas. O símbolo está associado ao mistério e à magia, assim como a aspectos astronômicos e religiosos.

Por ter relação com o número 5, a figura simboliza união, harmônia, equilíbrio, além de representar o sagrado e o divino.

Pentagrama

Clique para baixar

Pentagrama

Clique para baixar

Os primeiros usos do pentagrama foram descobertos na Mesopotâmia Antiga, em fragmentos de vasos de cerâmicas desfeitos. Na arte mesopotâmica simbolizava o poder imperial.

O simbolismo da estrela de cinco pontas na geometria

Em relação à geometria, o pentagrama foi considerado pelos pitagóricos - seguidores dos conceitos e doutrinas do filósofo grego Pitágoras - o emblema da perfeição. A estrela representa os cinco elementos que compõem o homem: fogo, água, ar, terra e espírito.

Também referente à geometria, o pentagrama aparece na pintura do “Homem Vitruviano”, de Leonardo da Vinci (1452-1519), dentro de um círculo, representando proporções perfeitas, o alinhamento sagrado entre o homem e o universo.

Pentagrama

Homem Vitruviano de Leonardo da Vinci em um pentagrama by Pinterest

A proporção áurea também foi utilizada nessa pintura, chamada de número de ouro, ela mostra estruturas com proporções perfeitas e harmônicas, assim como o pentagrama.

Os maçons também utilizaram o conceito da proporção áurea e do pentagrama em seus símbolos e construções. Eles acreditavam que a figura incorporava a beleza e a ordem divina, além de simbolizar iluminação e o centro místico do universo.

Veja também o conteúdo: Símbolos da Maçonaria.

Entre os egípcios, o símbolo possuía relação com as pirâmides, uma vez que representava o útero subterrâneo, ou seja, a ligação entre o mundo terreno e o mundo espiritual.

Você poder ler mais simbologias sobre a Geometria Sagrada.

O pentagrama na cultura hebraica, cristã e chinesa

Na cultura hebraica, o pentagrama representava a verdade e os primeiros cinco livros da Bíblia, chamados de “Pentateuco” (cinco rolos), que para os judeus têm o nome de Torá, a "lei escrita" revelada por Deus, sendo assim uma figura sagrada.

Na Idade Média, esse símbolo representava a verdade e a proteção contra os demônios ou maus espíritos. Para os medievais adeptos do Cristianismo, o pentagrama era atribuído às cinco chagas de Cristo.

Na cultura chinesa, o pentagrama foi associado ao Wu Xing, também chamado de “Cinco Movimentos” ou “Cinco Fases”, que são o fogo, a água, a madeira, o metal e a terra. Conceitos importantes para a base filosófica chinesa.

A simbologia do pentagrama no paganismo

Para os druidas, povos indo-europeus, o pentagrama simbolizava o divino, mais precisamente, a cabeça de Deus. Para os celtas, representava a divindade Morrigham, deusa do amor e a da guerra.

Já em relação ao paganismo e esoterismo, especificamente os grupos neopagãos e que seguem a religião Wicca, eles utilizam o pentagrama atualmente para rituais e cerimônias.

A figura simboliza também os cinco elementos primordiais: fogo, água, ar, terra e espírito, além de representar a união entre a humanidade e o reino dos espíritos.

Pentagrama

Veja também os conteúdos: