Açucena

A açucena é uma flor que simboliza a nobreza, a altivez, a distinção, a elegância e está relacionada ao deus Apolo.

Apesar de ter origem síria ou persa, as açucenas são muito encontradas na América do Sul. ​

Acucena

No Brasil, as açucenas vermelhas e brancas são muito presentes nas decorações de Natal e, no dia das mães, costumam ser das plantas mais populares vendidas nas floriculturas.

Por outro lado, segundo a cultura popular, as açucenas são flores que simbolizam a saudade, a angústia, a tristeza, e frequentemente estão associadas a perda de um amor.

Simbologias associadas à flor de açucena

De acordo com a mitologia grega, a flor da açucena simboliza altivez, elegância e está relacionada ao deus Apolo.

As flores brancas - e as açucenas não fogem à regra - costumam simbolizar pureza, castidade e virgindade.

Os cristãos frequentemente costumam plantar três açucenas em um mesmo vaso para simbolizar a Santíssima Trindade.

Leia mais sobre a simbologia da Flor.

Propriedades curativas da flor

É sabido há séculos que as plantas da família Amaryllidaceae possuem propriedades medicinais. Quatro séculos a.C. Hipócrates já utilizava óleo de Amaryllis para tratar tumores no útero.

Na Bíblia também se encontra relatos de preparos de Amaryllis para curar as mais diversas doenças.

Os índios latino-americanos usavam as plantas para fazer cataplasmas cura-feridas ou ferviam as flores de modo a preparar um chá para apaziguar dores no estômago.

Saiba mais sobre a simbologia de outras flores:

Açucena para além da flor

Açucena também é um nome próprio variante de Susana, que vem do hebraico Shushannah (Shus significa “açucena, lírio branco” e hannah quer dizer “graça”).

Açucena Cheirosa é uma canção do compositor Luiz Gonzaga. Açucena, por sua vez, é também uma composição de Ivan Lins. Recebeu o mesmo título uma música de Amadeu Cavalcante.

Açucena é igualmente um município de Minas Gerais que reúne ‎9.997 habitantes. ​

Características gerais da planta

Teste Flor

Conhecidas popularmente pelo nome flor-do-imperador, seu nome científico é Hippeastrum hybridum pertencente à família Amaryllidaceae, que possui 72 gêneros e abrange cerca de 1.450 espécies.

A família Amaryllidaceae está presente em diversas regiões do Brasil representada pelos gêneros Amaryllis, Hippeastrum, Crinum, Zephyranthes, Eucharis, Habranthus, Worsleya, Griffinia e Rodophiala.

O gênero Hippeastrum é, por sua vez, representado por 31 espécies, as mais famosas são conhecidas popularmente como lírios, tulipas e açucenas.

Trata-se de uma planta bela e facilmente cultivável em diferentes climas e em qualquer mês do ano, por esses motivos ela é facilmente encontrada.

As açucenas também têm alta durabilidade - como se trata de uma herbácea -, a planta tende a viver por muito tempo quando é cultivada diretamente no solo.

As flores, que sempre possuem seis pétalas, podem apresentar algumas tonalidades distintas entre o vermelho, o salmão, o rosa e o branco.

Conheça também o Significado das Cores das Flores.