Símbolos Musicais

Os símbolos musicais estão relacionados com à música e podem ser desde instrumentos musicais, objetos, notas e notações musicais, estilos musicais, até estórias e mitologias.

Notas e Notações Musicais

Simbolos Musicais

As sete notas musicais (Do-Re-Mi-Fá-Sol-Lá-Si), representam alguns símbolos musicais na medida em que servem para compor as melodias. Curioso notar que, para a composição das notas musicais, o monge italiano Guido D'Arezzo (992-1050) se baseou no texto sagrado intitulado “Hino a São João Batista” no qual cada uma das sete notas musicais refere-se à inicial de cada verso deste hino. Importante destacar que nos países de língua anglo-saxônica, as sete notas musicais são substituídas pelas letras do alfabeto, a saber: C, D, E, F, G, A, B.

Além das notas musicais, a notação musical envolve diversos símbolos que compõem a partitura das músicas, sendo os mais importantes: as figuras e pausas, relacionadas com a duração da melodia (máxima, longa, breve, semibreve, mínima, semínima, colcheia, semicolcheia, fusa, semifusa, quartifusa); as claves, que indicam a altura e a tessitura das melodias (clave de sol, clave de Fá, clave de dó); e, por fim, os acidentes, os quais modificam a altura das notas (bemol, sustenido, bequadro).

Aum (Om)

Simbolos Musicais

Símbolo fundamental na Índia, significa o cosmos, a potência divina nas vogais “Aum” / “OM”, que corresponde a primeiro som do universo, ou seja, o som do infinito, o mantra mais poderoso e divino que simboliza o processo de manifestação interior. Chamado de Pranava, as três letras que compõem o símbolo do Aum, representam os três estados de consciência, a saber: a vigília, o sono e o sonho.

Orfeu e a Lira

Simbolos Musicais

Na mitologia grega, Orfeu, herói da Trácia, filho de Apolo e Calíope, foi artista e médico. Além de poeta, Orfeu recebeu de presente uma lira de seu pai, e quando a tocava, conquistava tudo e todos, visto que possuía o poder de acalmar ou hipnotizar as plantas e os animais, sobretudo, os mais ferozes. Assim, a beleza e a magia de sua habilidade musical encantavam os homens, as plantas, os deuses e os animais.

Harpa

Simbolos Musicais

A harpa é um instrumento dos deuses mensageiros capaz de adormecer as pessoas que ouvem sua melodia e, ademais possui o poder de transportar as almas para o Além. Nesse ínterim, para os celtas, a harpa representava a ponte que conectava o céu à terra pautada no amor e na harmonia. Por isso, a harpa é o instrumento símbolo do amor na forma de arte, poesia e música e o som desse instrumento simboliza a procura da felicidade.

Importante destacar que o rei Davi tocou a harpa para o Senhor a fim de expressar seu amor e devoção. Desse modo, no cristianismo e no judaísmo a harpa é o emblema do Rei Davi, simbolizando a música sagrada. Na Noruega e na Islândia, as cordas da harpa formavam uma escada simbolizando, dessa maneira, a ascendência para o paraíso.

Violino

Simbolos Musicais

O som do violino simboliza o apelo da alma em direção à fonte divina. No esoterismo, os instrumentos de arco simbolizam a alma aprisionada na matéria; assim, enquanto no interior do violino está aprisionada a alma e ademais, o corpo oco do violino representa a terra e o céu. Nesse sentido, o arco simboliza a ação do espírito que tenta libertá-la, e as quatro cordas representam os quatro elementos da natureza (terra, água, fogo e o ar).